segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Dias como estes

São dias como estes que fazem valer a pena ainda estar aqui, e que ainda nos fazem acreditar que o que mais gostamos ainda não morreu. Esse fim de semana fui ao Show do Die Toten Hosen, CJ Ramone e Pil (vocalista do Los Violadores) na Argentina, e foi simplesmente incrível.



Muitas pessoas acreditam que quem faz um show é a banda, pois é verdade, mas como vai ser o show não depende só dela, e na Argentina o público sabe como fazer um show especial, como pode fazer de um simples show uma festa, o famoso "Aguante" ou "Aliento", que muitas vezes falta em boa parte dos brasileiros.



O show foi no clube do Argentinos Juniors, no micro estádio Malvinas Argentinas, o rolê até lá foi divertido e o lugar era fantástico, era ao lado de uma fábrica e o visual bem suburbano, e a galera tranquila com suas camisas negras roqueiras e tomando cerveja e fazendo um lanche antes de entrar no show.


Resumindo, o show teve 4 momentos, o ínicio onde eles tocaram aproximadamente 13 canções que foram seguidas de loucura, pogo, sorrisos, choros e com o público cantando junto a banda em todos os refrões. Na parada, eles voltaram com mais músicas e a presença de Pil do Los Violadores onde tocaram Ultraviolento e Repression do Los Violadores. Em seguida, Cj Ramone tocou Ramones e The Clash. Voltando de outra parada, aconteceu uma das coisas mais especiais e incríveis do show, a banda recebeu simplesmente o documento de cidadão de Buenos Aires, e além disso mais uma ótima surpresa quando a banda convidou Attaque 77 para subir com eles ao palco e tocar "Donde Las Aguillas se Atreven", e fechando o show com mais algumas canções e You never Walk Alone. Quase 3 horas de show, um dia mágico e que sem dúvidas entrou pra história!


Caminhando pelas ruas na feira de Santelmo encontrei o Guitarrista, Kuddel. Também encontrei Andi, o baixista.


Eu estive lá, eu vi acontecer, e isso nunca mais vai se repetir, talvez algum dia haja uma festa mais linda que essa, mas como essa, nunca!

Viva os Hosen, Viva o Punk Rock latino americano, viva a festa no futebol e a festa roqueira!

Segue um dos pontos altos do show, Hosen junto com Attaque 77!


sábado, 8 de setembro de 2012

Proteste já, Santo andré!

Pra quem não sabe Santo André passa por uma triste situação que envolve, política, dinheiro e muito desrespeito ao patrimônio da cidade, nosso estádio. Tudo isso é o que nos traz a "maravilhosa" política!

Completamos um ano sem ver o nosso time dentro de nosso próprio estádio, um dia triste para os poucos torcedores andreenses que ainda comparecem nos dias de jogos. A cidade simplesmente virou as costas para o time, a prefeitura além de virar as costas simplesmente quer acabar com o time e a diretoria que sempre fez um trabalho fraco com o time também está de mãos atadas apenas vendo o barco afundar cada vez mais.






Hoje tivemos a presença do Programa CQC no estádio com o quadro "Proteste já", o repórter da matéria foi Rafael Cortez. Meu receio dessas matérias sempre foi de tudo se tornar cômico e a coisa não ser levada a sério, mas acho que a matéria pode ser uma das mais legais até hoje no programa se for como eu imagino.



A verdade é que o Santo André está bem próximo do fim, e se não fosse sua torcida o time ja teria acabado ou talvez estivesse em outra cidade na mãos de alguma empresa ou marca que queira comprá-lo.



Protesto contra o atual prefeito que está se candidatando novamente e prometeu a tal "reforma"




 

 

Parte da torcida não consegue ver o jogo do portão, por motivos de espaço não cabem todos, o que nos resta é subir na caminhonete do Seu Paulo.



 


Outros torcedores vão subindo nas árvores para ver o jogo, da forma que podem.


Cada um no seu galho, tudo pra ver o Ramalhão jogar!

Fim do jogo, derrota do Santo André e a polícia mais uma vez de forma repressiva ao torcedor, afinal o protesto não faz parte da tal "ordem", e se fizer protesto as consequências são as de sempre, a ordem deles, na borrachada.


Bom, não sei mais o que dizer, a pouca esperança que me resta é aquele esperança idiota de torcedor, porque o futebol até então pra mim não estava morto, estava agonizando, mas morto não, já não sei se penso dessa forma.

Abraços e Beijos
El pibe Gui

Por dias melhores, já que os de hoje não nos trazem muitas esperanças!

Seja bem-vindo ao Expulsos de Campo

O publicitário, roqueiro e torcedor do Santo André, Guilherme Pibe, traz a visão "underground" de toda cena do futebol e do rock´n roll juntos em um só blog.



Para ver os vídeos do EDC, clique aqui.